Todos os Direitos Reservados

Este site é protegido pela Lei dos Direitos Autorais (Lei nº 9610) e toda e qualquer reprodução, parcial ou total, de um texto de minha autoria sem autorização está terminantemente proibida! Portanto, usem suas próprias cabeças para escrever no seu site, ok?! Ou sejam humildes e peçam autorização. Obrigada

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Oito sinais de doenças que você deve reconhecer


Muitos destes oito sinais aqui descritos são inespecíficos e podem estar associados a outras (várias) doenças. Cada um deles é importante e devem ser levados em conta.

1. Falta de apetite - a anorexia geralmente é um dos primeiros sinais de doenças nos cães. Pode ser difícil diagnosticar se você deixa comida à disposição do cão o dia todo. Por isso, o ideal é alimentar os cães duas vezes ao dia, ou mais, sempre no mesmo horário e deixar apenas 30 minutos à disposição do cão para que possamos verificar seu apetite.

2. Menos ativo - quando não se sentem bem, os cães ficam menos ativos. Muitas vezes essa "menor atividade" é confundida com "ficando velho". Se seu cão está menos ativo, o mais seguro a se fazer é levá-lo ao veterinário.

3. Fraqueza - pode ser descrita como cão "menos ativo", ter aparência letárgica ou falta de coordenação. Todos estes sintomas são sinais potencialmente perigosos que devem ser avaliados imediatamente pelo veterinário.

4. Letargia - é uma falta de interesse geral pelo meio ambiente. Sintoma muito comum e pode ser um sinal de começo ou fim de doenças, dependendo da severidade.

5. Perda de peso - perder peso é outro sinal comum de doença. Algumas vezes é difĩcil de notar a perda de peso, principalmente em cães de pelo longo ou cães que vemos todos os dias e não notamos mudanças subtas. Se seu cão parece mais magro, mais fino, ou se você consegue sentir facilmente suas costelas, pode ser sinal de problema.

6. Aumento no consumo de água - beber mais água geralmente está associado a algumas doenças, como problema renal e diabete melitus. Se você notar que seu cão mostra estes sintomas, consulte o veterinário.

7. Não se limpar - cães que não se sentem bem não se limpam ou você nota a pelagem opaca. Se a pelagem de seu cão mudar, leve-o ao veterinário.

8. Mau hálito - também conhecido por halitose, o mau hálito resulta de doença dental assim como outras doenças metabólicas.

Então o melhor negócio é levar nossos peludos periodicamente ao veterinário para ser examinado de cabo a rabo. Isso ajuda a diagnosticar possíveis problemas logo no início. Comece cedo, com seu cão ainda filhote.

Prevenir é melhor que remediar. Dê alimento de boa qualidade ao seu cão e exercite-o regularmente. Observe-o cuidadosamente, em busca de qualquer sinal de doença. Se você notar qualquer um destes sinais, contate seu veterinário o mais rápido possível.